Quais são os tipos de ambulância remoção? Confira aqui!

Curitiba, 7 de março de 2022, escrito por Gilson Rodrigues. As empresas de ambulância possuem uma responsabilidade muito grande em suas mãos: a vida de seus pacientes. Por conta disso, deve manter toda uma estrutura, a fim de oferecer os melhores serviços e garantir o direito à vida e à sobrevivência. Saiba mais abaixo sobre ambulância remoção

Não é uma tarefa fácil, mas muito pelo contrário. Afinal de contas, cada caso possui as suas necessidades específicas. Sendo assim, a ambulância remoção deve estar de acordo com o tipo que a demanda exigir, até mesmo para manter um padrão de qualidade.

E isso acontece porque uma pessoa que teve uma parada respiratória, por exemplo, não precisa dos mesmos equipamentos que uma pessoa que sofreu um corte superficial. Inclusive, isso serve para manter uma organização dentro da empresa.

Você já se perguntou como esses serviços são feitos de forma tão ágil? Há casos em que a ambulância chega no local em menos de 15 minutos, por exemplo, e oferece um atendimento de alta qualidade. Mas como isso se torna possível?

A verdade é que não é um trabalho fácil. Para que isso ocorra, há muita coisa por trás, que às vezes a vítima nem sequer tem noção. Ter diferentes tipos de ambulância remoção é um dos fatores que garantem um serviço de qualidade.

Mas qual é a necessidade de haver mais de uma ambulância remoção? Na prática, isso faz alguma diferença na hora de prestar um atendimento? Essas são dúvidas bem comuns, mas que é importante que você obtenha uma certa clareza.

Sendo assim, se você quer saber mais sobre esse assunto, bem como entender qual é a necessidade de ter diferentes tipos de ambulância remoção, é só continuar nesse artigo. Confira!

Precisando de uma ambulância? 

WhatsApp

O que é uma ambulância remoção?

Em suma, nada mais é que um veículo preparado para situações de urgência e emergência. Ou seja, ele é ideal para socorrer e transportar pessoas que estão doentes, que têm alguma limitação física ou que estão machucadas.

As ambulâncias mais comuns são os furgões com o teto elevado. Trata-se de um dos veículos usados para essa finalidade, uma vez que eles são bastante espaçosos, o que é essencial para esse tipo de serviço.

Afinal de contas, é necessário prezar pelo bem-estar e comodidade do paciente. Ademais, deve haver bastante espaço para comportar a vítima, os profissionais da saúde e os demais equipamentos que garantem a sobrevivência do indivíduo.

Vale salientar que a ambulância remoção oferece muito mais recursos do que apenas o transporte. Na verdade, além do translado, a ambulância e a sua equipe médica devem oferecer todos os recursos à sua disposição que mantenham o paciente em vida.

Mas, uma coisa que você deve entender sobre os tipos de ambulância remoção é sobre a diferença entre urgência e emergência médica. Falaremos sobre isso a seguir.

Estamos online para te ajudar! Fale com nosso especialista:

Veja nossas avaliações

Diana Vilarinho
Diana Vilarinho
18. Julho, 2022.
Verificada
Excelente, prestativos, atenciosos , tratamento muito bom. Nota 10. Utilizei o serviço de remoção para consulta. Muito bom.
Maria L Diniz
Maria L Diniz
16. Julho, 2022.
Verificada
Um excelente atendimento! 🙏💜
Daiane Rosolen
Daiane Rosolen
8. Julho, 2022.
Verificada
Atendimento top! Sr. Gilson muito prestativo e super atencioso no atendimento telefônico. Eu agradeço pela gentileza. Coisa rara hoje em dia.
Carolina Luhm Crivellaro
Carolina Luhm Crivellaro
4. Julho, 2022.
Verificada
Excelente atendimento pela equipe.
Ozana Storck
Ozana Storck
21. Junho, 2022.
Verificada
Serviço de excelência
Rosa Pelizari
Rosa Pelizari
1. Junho, 2022.
Verificada
Realizei alguns exames com a Brasil e fui muito bem atendida. Os profissionais são pontuais, educados e qualificados. Obrigado pelo ótimo atendimento.
Izabel Martins Campos
Izabel Martins Campos
23. Maio, 2022.
Verificada
Valmir Mendes
Valmir Mendes
5. Maio, 2022.
Verificada
Maria Mendes
Maria Mendes
5. Maio, 2022.
Verificada
Rosimeire Ribeiro
Rosimeire Ribeiro
5. Maio, 2022.
Verificada

Urgência x Emergência médica

Ainda que essas duas palavras pareçam ser sinônimos, para a área da medicina e saúde em geral, são dois conceitos diferentes. Inclusive, essa é uma coisa que você deve ter conhecimento, até mesmo para entender sobre os tipos de ambulância remoção.

E isso acontece porque, a depender de como uma situação é configurada, quer dizer que um determinado tipo de ambulância remoção é a mais adequada para atender aquela situação, por exemplo.

Por “urgência médica”, entende-se que é quando a vítima não corre risco de vida, mas que há chances da situação se agravar e deixar a situação mais delicada. Um exemplo de urgência médica é uma luxação ou fratura, por exemplo.

Nesse caso, a vítima não corre risco de vida. No entanto, quanto mais demorado for o atendimento, maiores são os riscos. Para urgências médicas, na grande maioria das vezes, uma Unidade de Suporte Básico (USB) é o ideal.

Agora, no que diz respeito às emergências médicas, são situações em que o paciente corre sim um risco iminente à vida. Por conta disso, além de a ambulância remoção ter que chegar em no máximo 15 minutos, deve-se ter um veículo de acordo com a situação.

Por isso, nessa situação, o indicado é que se encaminhe uma Unidade de Suporte Avançado (USA). Se enquadra nesse tipo de categoria situações como: AVC, parada respiratória, queimadura de 3° grau, traumatismo craniano etc.

ambulancia remoção

WhatsApp

Quais são os tipos de ambulância remoção?

Agora que você já entendeu melhor sobre esse assunto, podemos falar com mais propriedade sobre os tipos de ambulância remoção. A verdade é que há um certo padrão para cada tipo de chamado. Como você pôde notar, diferem-se entre “urgência” e “emergência”.

A depender de como o caso se configura, há um tipo específico de ambulância remoção. Abaixo, iremos falar sobre quais são os principais tipos.

Ambulância tipo A

Esse é o primeiro tipo de ambulância remoção, o qual é indicado para transporte em decúbito horizontal. Ou seja, quando o paciente está deitado, devido alguma doença, problema, limitação ou acidente, por exemplo.

No entanto, nesse caso, a vítima não apresenta qualquer tipo de risco iminente à vida, mas sim está com a saúde estabilizada. Sendo assim, a ambulância remoção tipo A é ideal para remoções simples e de caráter eletivo.

Por ser mais simples, nessa situação, precisa ter apenas 2 profissionais no veículo, sendo um técnico ou auxiliar de enfermagem e o próprio motorista.

Ambulância tipo B

Já no caso da ambulância remoção tipo B, configura-se como sendo uma ambulância de suporte básico. Sendo assim, é quando uma pessoa precisa de atendimento de urgência, mas que não há necessidade de intervenção médica no local ou durante o transporte.

São situações mais simples e que, por isso, precisa apenas de dois profissionais também, sendo um técnico ou auxiliar de enfermagem e o motorista.

Ambulância tipo C

Trata-se de uma ambulância remoção ideal para fazer resgates de pacientes que se encontram em locais de difícil acesso. Por conta disso, esse tipo de veículo deve contar com equipamentos de salvamento terrestre, aquático ou em alturas.

Então, pode-se indicar esse tipo de ambulância remoção para acidentes em locais próximos a montanhas, por exemplo, ou mesmo em residências que apenas sejam mais distantes da cidade e que possuem ruas mais difíceis, com morro ou depressão.

Nesse caso, a ambulância remoção tipo C deve contar com pelo menos três profissionais militares, sendo um motorista e os outros dois com alguma capacitação e certificação em salvamento e suporte básico de vida.

Ademais, a ambulância de resgate deve ter um arranjo que permita um salão de atendimento às vítimas de pelo menos 8 metros cúbicos. Além disso, o compartimento deve ser isolado, para guardar os equipamentos.

Ambulância tipo D

Por fim, a ambulância remoção tipo D se configura por ser uma ambulância de suporte avançado. Por conta disso, trata-se do veículo ideal para atender pacientes que correm um alto risco de vida. Ou seja, é uma emergência médica.

Nesse caso, o veículo deve possuir todos os equipamentos necessários para essa função e para possíveis intervenções, que na grande maioria dos casos se faz necessária. Por conta disso, a equipe a bordo deve ser formada por 3 profissionais capacitados.

Devem ser, pelo menos, um médico, um enfermeiro e o motorista. Vale destacar que, além de ser uma ambulância remoção, também pode servir em situações de transporte inter-hospitalar em que requer cuidados médicos mais intensivos também.

ambulancia remoção

WhatsApp

Saiba mais:

Gostou do artigo sobre Internação compulsória? 

Últimas Notícias
Categorias
ambulância qual valor

Ambulância qual valor?

Curitiba, 05 de agosto de 2022, escrito por Gilson Rodrigues. Com certeza você concorda com a afirmação de que os serviços de ambulância são vitais

Leia mais »